Presos fazem churrasco em cadeia e publicam fotos em redes sociais


Presos da penitenciária agrícola Silvio Hall de Moura, em Santarém, no oeste do Pará, publicaram no Facebook fotos de um churrasco realizado dentro da cadeia.
Em duas imagens diferentes, um dos detentos aparece exibindo notas de R$ 50 e R$ 100. Na imagem acima, o preso aparece com um colar feito com dinheiro.

O superintendente do sistema penal do Pará, o tenente coronel André Luiz de Almeida e Cunha, viajou até a  cidade para verificar a situação na penitenciária. Uma comissão da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) realizou uma vistoria no presídio e encontrou uma série de irregularidades no local.
Ainda de acordo com a comissão, as condições da penitenciária agrícola são precárias. O que não impediu alguns detentos de se divertirem com o churrasco e com posarem para fotos.
As imagens mostram alguns detentos à vontade dentro do presídio. Eles não parecem intimidados com uma possível punição pelo fato de terem acesso, dentro da penitenciária, a dinheiro e celulares ou outro tipo de equipamento que permita fazer fotos e publicá-las em uma rede social.

Esse tipo de atividade não é nova em presídios do País. Uma detenta utilizou um telefone celular em uma cadeia feminina de Manaus, no Amazonas, para atualizar seu perfil no Facebook. Ela fez imagens de uma festa realizada dentro do presídio.
No Paraná, presos fizeram uma confraternização com direito a churrasco, bebidas e até piscina. A direção do local confirmou a regalia, mas não soube informar como a piscina  foi parar no local.
Share on Google Plus

Sobre Paulo Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment