American Airlines é acusada de matar passageiro com comida de avião


Os parentes de um passageiro da American Airlines processaram a companhia aérea americana por servir comida envenenada que o matou e de não atendê-lo corretamente quando o homem começou a passar mal. Segundo a cópia do processo à qual a agência “EFE” teve acesso, a esposa e a filha de Othon Cortés sustentam que este morreu por conta do mau estado do frango servido durante um voo da American Airlines entre Barcelona e Nova York. O processo, que foi registrado no dia 23 de novembro, está dirigido contra a companhia aérea, que declarou concordata nesta semana, e contra a Sky Chefs, a empresa encarregada do menu servido nos aviões. Mãe e filha reivindicam mais de US$ 1 milhão e explicam que Othon e a esposa entraram no avião no dia 18 de maio, com a intenção de fazer escala em Nova York e depois tomar outro avião com destino a Miami, onde moravam.
Share on Google Plus

Sobre Paulo Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment