Ivete Sangalo é processada e investigada pela Receita


Antônio da Silva, conhecido como Toinho Batera, abriu processo contra a cantora Ivete Sangalo após ser demitido da banda, em 2010. O processo corria em sigilo até o último dia 15 de junho, mas a 18ª Vara do Trabalho de Salvador quebrou o segredo.
De acordo com o jornal 'Folha de S. Paulo', Batera teria sido obrigado a abrir uma empresa para não ser contratado formalmente para a banda de Ivete. O músico também afirma que foi agredido pelo irmão da cantora, Jesus Sangalo, enquanto tentava um acordo, após sua demissão.
O que não faltam são problemas para a cabeça de Ivete Sangalo: em fevereiro, a Receita Federal abriu uma investigação contra a Banda do Bem, os músicos da baiana, sob suspeita de irregularidade fiscal. De acordo com a defesa de Toinho Batera, a Banda do Bem não passa de "fachada".
Share on Google Plus

Sobre Paulo Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment