Executivo inglês é condenado por roubo de 6,4 mil peças de roupas femininas


Um executivo de um banco inglês foi condenado na semana passada por roubar roupas femininas em uma loja de uma rede popular no Reino Unido. Segundo jornais britânicos, David O'Connell, de 48 anos, foi considerado culpado pelo sumiço de 6,4 mil itens de uma unidade da Marks and Spencer, num total de 119 mil libras - mais de R$ 335 mil. A polícia encontrou as peças, inclusive calcinhas e sutiãs, guardadas em caixas e armários da casa de O'Connell, em Coventry. O juiz Simon Hammond disse que o executivo tem um "fetiche por roupas femininas" e que poderia ter comprado todas as peças roubadas.
Share on Google Plus

Sobre Paulo Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment