Popó nega acusação de suposta tentativa de homicídio


A polícia apura a denúncia contra o ex-pugilista Acelino “Popó” Freitas, de tentativa de homicídio sofrida pelo surfista Jonatas Almeida na tarde da última quarta-feira. Segundo o rapaz, ele e o amigo, também surfista, identificado apenas como Moisés, foram apanhados em casa, no bairro de Itapuã, algemados e levados para uma área deserta na Estrada Velha do Aeroporto. O amigo foi executado e ele conseguiu fugir por um matagal onde ficou escondido durante quatro horas.
O envolvimento de Jonatas com uma sobrinha adolescente do ex-pugilista teria sido o motivo do crime. “Popó” admite que esteve na casa do jovem no início da tarde de ontem para buscar a adolescente, mas nega qualquer ameaça. Na 12ª Delegacia onde a ocorrência foi registrada, a delegada Francineide Moura não foi encontrada, pois estava em diligência “justamente sobre esse caso”, como informaram os plantonistas da unidade.
O desacerto teve início na sexta-feira quando o surfista conheceu a sobrinha de “Popó” na casa de shows Malagueta Hall, localizada na Orla. Ela estava acompanhada com três colegas e iniciou um namoro com Jonatas. “Fomos dormir na casa da amiga dela, no bairro de Baixa de Quintas e no outro dia viemos para minha residência”, conta o rapaz que na última quarta-feira recebeu a visita do ex-pugilista procurando pela sobrinha. Segundo o denunciante. ao deixar o local, o tio, nervoso, teria dito a uma vizinha que a polícia chegaria.
Share on Google Plus

Sobre Paulo Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment