Bahia perde recursos de R$ 184 milhões


As emendas da bancada baiana ao orçamento da União sofreram uma redução de R$ 184,5 milhões, como parte de um corte anunciado pelo governo federal que retirou, em média, 45% das emendas coletivas de todos os estados. Originalmente previstas em R$ 444,3 milhões, as emendas baianas da bancada somam agora R$ 259,7 milhões – um corte de 41,5% que afetará principalmente as áreas de infraestrutura urbana e educação superior.
“Por que o governo faz cancelamentos drásticos, verdadeiras amputações, quando poderia adotar cortes lineares nas dotações em geral?”, protestou esta semana, da tribuna, o senador César Borges, relator setorial de planejamento urbano no orçamento, que chegou a insinuar uma perseguição do governo federal à administração da capital, cujo prefeito, João Henrique, é do PMDB: cerca de R$ 80 milhões, dentro do valor cancelado, estavam previstos para beneficiar Salvador.
Share on Google Plus

Sobre Paulo Silva

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment